domingo, junho 14, 2009

Vida de solteira

Repito: estou bem com a minha vida, este post não é para reclamar. Mas como algumas pessoas sempre têm um ponto de vista bem diferente do meu, preciso de falar. Sim, quero reclamar um pouco, mas não é por causa de solidão :)

Para quem não sabe:
Estou sozinha praticamente a minha vida inteira. Sinceramente, nunca tive nenhum sucesso entre homens. Não tenho nenhum número para quem ligar se quiser companhia para um momento solitário etc. Podem pensar que não quero ninguém, mas nem sempre é/era assim. Simplesmente não tive oportunidades, digamos assim.

Estou bem sozinha, não é nenhum problema para mim, é mais problema dos outros.

O que me fez escrever sobre este tema de sempre, é porque faz pouco tempo reencontrei um amigo muito querido. Amigo mesmo, nunca tive mais nada com ele e não vejo nenhuma mudança nessa situação. É uma pessoa que respeito imenso, amo de certa maneira (como um amigo) e imagino que eu também sou importante para ele. Mas é "só" isso (na verdade a nossa amizade é muita coisa!). A gente tem boas conversas, mas se nota que nem ele me entende. As pessoas que viveram a sua vida inteira com um companheiro/uma companheira, não conseguem ver certas coisas. Tipo por que sempre falam estas besteiras?

1) "Tem que curtir a sua liberdade enquanto dura."
Como se esta situação minha fosse uma novidade ou algo que mudasse facilmente. Eu não preciso de sair cada fim de semana porque sou solteira ou porque tenho que aproveitar ou porque tenho que procurar namorado/amante/qualquer coisa. Simplesmente não sinto essa necessidade.
2) "Como assim você não tem ninguém, não acredito!"
É, deve ser difícil entender, se sempre vivia com alguém e em geral sempre teve sucesso com namorados/-as. Se alguém não tem o mesmo sucesso, não tem mesmo e pronto.
3) "Se eu fosse um homem livre, eu te queria com certeza."
Pois é! SE você fosse... Mas não é. E se fosse, muitas outras coisas também seriam diferentes. É uma coisa que nem quero ouvir, me faz sentir com raiva (e nada de lisonjeada).

Pronto, falei.

2 comentários:

Tatá disse...

Olá Teea,
Eu percebo o seu desabafo. Durante muitos anos me senti assim. Mas eu sofria muito por estar sozinha. A cobrança constante dos amigos e parentes ainda fazia aumentar a dor.
Já sou uma pessoa com muitos complexos e esta situação não contribuía para levantar a minha auto-estima.
Ainda bem que você está bem assim. É isso que interessa e não o que os outros dizem! Muito bem!
Bjns,
Tatá

freefun0616 disse...

酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店小姐兼職,
便服酒店經紀,
酒店打工經紀,
制服酒店工作,
專業酒店經紀,
合法酒店經紀,
酒店暑假打工,
酒店寒假打工,
酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店小姐兼職,
便服酒店工作,
酒店打工經紀,
制服酒店經紀,
專業酒店經紀,
合法酒店經紀,
酒店暑假打工,
酒店寒假打工,
酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店小姐兼職,
便服酒店工作,
酒店打工經紀,
制服酒店經紀,
酒店經紀,

,酒店,