quinta-feira, dezembro 31, 2009

Feliz ano novo!


Sei, ando toda sumida aqui na Bahia, mas estou adorando!

Hoje vai ser festa de reveillon na praia, e vai ser tudo lindo com a lua cheia!
Eu "terei" que ir depois a uma outra festa também, pois tem aí um gatinho que não sai da minha cabeça.

E agora, fazer o que? Voltar pro fim do mundo? Realmente não tenho a mínima vontade.

Beijos e tudo de bom para 2010!

quinta-feira, dezembro 24, 2009

Sorria que você está na Bahia!

Assim tento fazer, e hoje "já" me encontrei sorrindo sozinha na praia... Além disso, nesta viagem (ainda) não enchi o saco assim como muitas vezes acontece comigo, se por exemplo o atendimento não é bom (ou se me cobram mais dinheiro do que deviam) --> até que posso pirar por pouca coisa. Mas agora, nesse sentido, estou bem bem-humorada :)

Sou uma estranha

Para mim viajar, viajar para os "meus lugares", é a coisa mais natural. Ou como costumo falar: nem gosto tanto de viajar, porém gosto/adoro/preciso estar aqui de vez em quando. É algo que, na minha opinião, faz parte de mim, até poderia falar que faz parte da minha "identidade".

Mas aí se escondem alguns "problemas". É que eu sinto assim, mas ninguém mais me entende. Tipo os meus colegas de trabalho, perguntam sem parar "por que vai pra lá", "o que é que você faz lá". Que perguntas hein... Realmente devo parecer uma idiota tentando respoder. Viajo porque gosto de lá e ponto no fim... A resposta correta seria "boa pergunta, alias, por que viajo sempre e não vou de vez?" E é assim que tenho pensado, mas continuo sem essa coragem... Podem acreditar que cada vez tenho menos vontade de voltar, por vários motivos.

E se sou estranha aí no fim do mundo, claro que também sou aqui. "Ainda bem" que a maioria das pessoas nem vem falar comigo, devem pensar que "essa mulher deve estar perdida nesta terra, não faz parte de nós". E quando alguém enfim fala comigo, acha ainda mais estranho eu estar aqui, sozinha e tal. Então imagina se eu morasse aqui, sempre seria uma estranha... #comofas?


Mobile Blogging from here.

quarta-feira, dezembro 23, 2009

Imigração

Sempre estou um pouco nervosa na imigração nos aeroportos do Brasil. Já porque não aguento essa fila dos europeus que demora demais e depois de ter viajado (no pior caso) umas 24 horas, já começo a perder a paciência (que tenho pouca em geral). E claro que por causa de alguns casos tristes que acontecem por aí de vez em quando... Enfim, não tenho nada como reclamar, sempre foram super simpáticos comigo, brincavam e desejavam boas-vindas.

Esta vez não foi pior:

Eu: Boa noite!
Ele: Boa noite. Fala português?
Eu: Falo.
Ele: Quanto tempo vai ficar no Brasil?
Eu: Até dia 10 (de janeiro)
Ele: Só? Pode ficar até 90 dias!
Eu: Quem me dera... se o meu chefe permitisse!

A minha Bahia linda

Como está difícil escrever qualquer coisa... ideias já tive várias, normalmente na praia. Algumas já se foram, outras talvez não fossem importantes e algumas vou tentar lhes falar/escrever depois.

Se pensarem num diário da viagem, se esqueçam, pois os três dias que passei em Salvador, descansei na praia (apesar do tempo nublado) e nas duas primeiras noites não sai nada. Então não tenho nada para contar. Não encontrei nehum gatinho ou algo do género. Nem tirei fotos.
Tinha pensado em ir ver Olodum ou Timbalada no domingo, ou o evento "Natal show de bola" ontem no Estádio do Pituaçu, mas a preguiça (ou no caso do domingo: o simples cansaço) venceu.
Só hoje (a minha última noite nesta cidade) fui ao Pelô e adorei! Pelourinho continua mágico... Foi tão bom voltar, ver o Gerônimo, ouvir a música em todo lado nas ruas...

É uma pena não poder ficar mais tempo aqui em Salvador. Ou seja: é uma pena que vim pra cá primeiro, ainda super cansada e recuperando do trabalho (e do fuso). Realmente esta foi a primeira vez que comecei as minhas férias em Salvador (exceto uma vez quando fiquei o tempo todo em aqui), sempre fui primeiro para alguma praia para descansar... e vou tentar lembrar disto pela próxima vez. E espero que essa próxima vez não demore a chegar!

(Se este post deu para entender que não estou gostando/aproveitando/me divertindo... bem, continuo amando Salvador, mas me falta(va) um pouco desse ânimo, se me entendem... Posso ter até sorrido silenciosamente sem conseguir mostrá-lo. Simplesmente precisaria de muito mais do que 3 dias nesta cidade!)

terça-feira, dezembro 22, 2009

Sandália de couro

Uma música que não sai da minha cabeça agora:

quinta-feira, dezembro 17, 2009

Já tá quase...

Falta um dia de trabalho só... estou feliz por ter conseguido acabar quase todo o trabalho que pensei que fosse preciso fazer nesta semana, antes das férias tão esperadas. Ao mesmo tempo estou nervosa por causa de amanhã, "será que me esqueci de muita coisa", "deve aparecer cada coisa na última hora" etc.

Hoje a minha querida amiga Ancelika me visitou rapidinho para tomarmos um copo de vinho e para nos desejar um feliz natal. Ela também me trouxe uma pelúcia que agora faz companhia aos meus macacos gostosos no sofá. Deixa eu apresentar: O Bambino, O Macho e agora a girafa grandão que ainda não tem nome... sugestões? ;)


Quanto aos preparativos da viagem: outro dia já fiquei babando com o mapa de Salvador, sonhei com Pelô, Rio Vermelho, Barra, Praia do Flamengo etc. Sonhar sabe ainda melhor com este inverno infernal da Finlândia, tem feito muito frio (até -20 graus) e nevou bastante também. O natal vai ser branco aqui, mas nem sei descrever como estou feliz por poder viajar. Sortuda eu!

sábado, dezembro 12, 2009

Salvador da Bahia

Para não esquecer da cidade "mais baiana do mundo" que amo tanto... e onde não fui depois de dezembro de 2007... agora voltarei, mesmo que seja só por uns poucos dias antes de continuar o meu caminho pro sul da Bahia.

Não vejo a hora!

Eu não sou nenhuma santa...

Faz tempo que não me acontece essas coisas, mas podem crer que já estive lá, pois eu não sou nenhuma santa....

Arraial d'Ajuda

Apesar de (ou talvez por causa de...) tanto trabalho, algúm estresse e uma confusão total na minha cabeça estou muito ansiosa para partir pras férias daqui a oito dias.

Agora nem consigo pensar nas festas, shows do Chiclete e do Asa. Só quero voltar a Arraial d'Ajuda, descansar na praia de Araçaipe. Quem sabe depois de carregar as baterias já já vou aparecer no Beco das Cores para tomar umas caipirinhas...

Poucas vezes recomendo lugares/hotéis/pousadas, mas a minha pousada preferida merece sempre elogios: Sitio São Francisco em Arraial d'Ajuda, uma delícia de pousada. Agora com website novo!

Beijos e bom fim de semana a todos! Eu aqui vou cortar o cabelo hoje e tentarei não pensar muito no trabalho que me falta fazer...

sexta-feira, dezembro 11, 2009

Procurando equilíbrio

Foi uma semana sem tempo livre, como foi previsto. E nesta semana reclamei disso mais do que costumo, até que quase pirei quando tive que ir a "mais uma reunião" hoje... tanta (outra) coisa que tinha pra fazer...
Além disso, no final da semana (hoje de noite) entendi que não sou a única pessoa que vê que estou trabalhando demais. Por isso, me mandaram (o chefe mandou...) trabalhar menos mesmo, e tirar mais férias por enquanto. Sim, soa bem, mas ainda não sei como aprender a dizer "não" e controlar as horas, e ao mesmo tempo conseguir fazer tudo que for necessário. A única coisa que sei, é que o que foi dito, foi dito a sério e para me ajudar, para eu parar de trabalhar dia e noite.

Bem, mudando de assunto, ou seja: voltando a um post anterior: é assim que são as luzes de natal em Helsinque. Cidade moderna hein... ;)

domingo, dezembro 06, 2009

Gente bonita

Desculpem uma pergunta parva (feita meio a sério), mas... O que é que vocês querem dizer com a "gente bonita"? Como se define essa gente?

Neste dia da independência pelo visto me sinto muito finlandesa, preconceituosa por ter preconceito contra as pessoas que falam "naquela festa só tem gente bonita". Aí eu penso logo que não é para qualquer um, talvez eu não seja bem-vinda? É só para os ricos? Para a gente que é muito, mas muito bonita mesmo? Ou para alguém que apenas se acha? Ou para qualquer um que se sabe comportar?

Opiniões e esclarecimentos são muito bem-vindos! Obrigada desde já.

Dia da Independência

Se quiserem saber das minhas tradições no Dia da Independência, é só ver as minhas postagens antigas (de dezembro 2008, 2007 etc).

E se quiserem ler o ponto de vista dos brasileiros que moram aqui, as minhas sugestões de hoje são os seguintes:
Blog da Irene (ela também escreveu bem sobre os casamentos "formais" finlandeses, vale a pena ler!)
Blog do Léo

O meu dia, este feriado (e olha que o único feriado neste looongo outono-inFerno cai no domingo! Não seria assim em Angola!), tem sido mais do que chato. Trabalhei o dia inteiro. Talvez daqui a pouco siga as minhas tradições...

Realmente não sou nada de trabalhar nos fins de semana, mas agora não tem jeito! A minha agenda está tão cheia durante a semana, e tenho muito para fazer nestas duas semanas que faltam pras férias no Brasil...

Semana passada foi super cansativa, porém com muita atividade (relacionada ao trabalho, lógico).
Fiquei dois dias em Tampere, planejando o ano 2010... Também fomos ao teatro, jantámos bem (foi um jantar típicamente formal, rs) e além disso trabalhámos no primeiro dia até as 18h e no próximo começámos às 8h. Então não foi só festa.
No dia seguinte, na quinta-feira, finalmente fui ver a exposição de Picasso no museu Ateneum. E depois tivemos um jantar de natal num restaurante lindo (Katajanokan Kasino) perto do meu trabalho. Bem, o restaurante é lindo (para jantares formais...), e a comida é boa, mas enfim nada de muito especial. E os preços não são para qualquer um/para todos os dias...

Semana que vem não vai ser mais fácil, "viajarei" na terça-feira a Kuopio e na quarta novamente a Tampere (de trabalho, claro!). Na quarta também é aniversário do meu avô, não sei como faço com isso...

Bem, eu aqui vou trabalhar mais um pouco (ou seja: tenho que me preparar pra apresentação da terça-feira, que medo...) e depois que venham as minhas tradições - dvd de Ivete!

Beijinhos e boa semana!

sábado, dezembro 05, 2009

Café finlandês

Primeiro tenho que dizer que não costumo tomar café. Aqui no fim do mundo tomo pouquíssimas vezes, só um tipo de capuccino, ou galão/café com leite num café onde sei que pode ser bom. Só tomo café no Brasil e às vezes em Portugal, mas somente de manhã, e é café com leite mesmo. No Brasil sinto que me faz muito bem... e gosto do café brasileiro. Mesmo assim, nunca tomo café como sobremesa, não estou habituada e não sinto falta.

E os finlandeses, como adoram o café finlandês! Acho estranho, pois aqui não consigo beber isso, nem com leite ou com açucar. Para mim, sempre tem um sabor horrível e ponto no fim.

Tivemos uma conversa na mesa de jantar, com colegas de trabalho. Tava aí um colega que viajou pro Brasil faz pouco tempo (de negócios). E aí eu perguntei, os olhos brilhando, esperando um elógio ao café brasileiro... "E café aí no Brasil, foi maravilhoso, não foi?" E ele: "Não achei grande coisa, café finlandês é o melhor que há". Fiquei de boca aberta, engolindo a derrota... Como é que alguém pode falar isso? Só porque é finlandês? E por que é que eu não tenho esse gosto e orgulho de café finlandês?

(Engraçado que escrevo essas coisas na véspera do Dia da Independência...)

No fim do mundo nem há Fnac

Foi apenas uma conversa no twitter, mas como me fez triste, não tanto por não receber presentes no natal, mas por ainda morar aqui no fim do mundo... Mas tudo bem, não posso reclamar, pois o melhor presente que existe é poder passar o natal e reveillon na Bahia!


sexta-feira, dezembro 04, 2009

Copa do Mundo 2010

Ai que medo... Brasil e Portugal vão jogar no grupo G. Não vou conseguir assistir o jogo deles em 25 de junho, já estou nervosa... Em 2006 torcia pelo Brasil, e assim vou fazer agora também. Mas na última copa não tive que aguentar um jogo desses (Brasil-Portugal)... Ainda bem que vai ser uma sexta-feira :)

segunda-feira, novembro 30, 2009

Pensamentos de "madrugada"

Um dos meus defeitos é começar a trabalhar muito cedo de manhã. Estou lá no trabalho um pouco antes das 7h de manhã, se tudo correr bem (quer dizer: não há atrasos no caminho). Sou uma chata que não há outra igual. Ou há... há outras pessoas na empresa que também começam a trabalhar essa hora e com quem várias vezes encontro no bonde que pego no Aleksanterinkatu, em frente de Stockmann.

Hoje realmente não foi o meu dia. Tinha ficado o fim de semana inteiro em casa, com stress de semana passada e de semana que vem. E ontem (no domingo) trabalhei uma grande parte do dia (o resto assisti futebol!), o que raramente faço e não gosto nem um pouco. Mas nesta vez o estresse era maior do que a minha capacidade de relaxar. Então hoje já no caminho ao trabalho estava toda chateada, e com aquele estresse no estômago. No mais, os meus pensamentos foram mais ou menos os mesmos de sempre: "odeio este frio, esta escuridão, as luzes de natal de Aleksanterinkatu que não têm cor nenhuma e não conseguem alegrar gente nenhuma (cada ano sinto mais vergonha por elas, parecem ser de União Soviética, tão antigas que só aqui no fdm pode ter... Ahh, saudades das luzes de natal lindas de Lx!)."

Mas como é "interessante" encontrar no bonde as "senhoras" com outro tipo de visão das coisas.

Ela: Ai que bom que já está mais fresquinho! (a mesma senhora reclamou do calor semana passada quando fez uns 6 graus)
Eu: Hummm, este frio está me matando... até que preferi a chuva...
Ela: Como foi bonito ver esqui (? nem sei o que, pois só assisti liga portuguesa e espanhola no fim de semana) no Ruka (um centro de esqui no norte deste país), teve tanta neve e tal...
Eu: Ahh, nem vi tv neste fim de semana (hummm... será que sou estranha? Só vi jogos do meu SLB e da liga espanhola na net). -silêncio, fiquei sem nada para dizer, não quis falar mais que estou sem nenhuma vontade de ver neve, de caminhar nela, de sentir mais frio ainda. Só fiquei silenciosamente sonhando com a praia, com o meu amor amarelo, com o calor gos-to-so da Bahia, do qual essa senhora nada deve saber ou entender... me fechei novamente no meu pequeno mundo de sonhos, onde tanto gosto de passear.

Sei, sou uma reclamona, mas como falei: hoje não foi o meu dia. E o inFerno não é o meu lugar.

sábado, novembro 28, 2009

Força Benfica!

Sei que este ano é do grande Benfica, mas mesmo assim estou nervosa antes do jogo Sporting-Benfica...

Lista de natal?

Eu também queria fazer uma lista de natal, ou como falamos aqui no fim do mundo: escrever uma carta ao Papai Noel. Mas qualquer coisa que escrevo, será eu mesma que tenho que comprar esses presentes.

Pois como uma pessoa simples e pouco exigente, só queria duas coisas (das quais só uma é "materialista"):

1) Tempo livre (sem stress)

2) Um MacBook.

domingo, novembro 22, 2009

Coisas para fazer...

...antes de fazer 40 anos:

Realmente só tenho uma coisa para ser realizado, é algo que nunca achei tão importante, mas hoje penso que apesar de não gostar de tanta confusão, é para "sentir" "once in a lifetime". Estou falando de carnaval, mais especificamente do Carnaval da Bahia. Em 2010 não poderei ir, mas quem sabe 2011 ou 2012, depois se vê!





sábado, novembro 21, 2009

Sexy demais :)

Valeu Enzo por ter escolhido o meu blogue entre os 5 blogues (mais) sexys! Na verdade esperava tudo menos isto :) Mas admito que me sabe bem. Como já estava precisando de atenção (e de carinho), esta surpresa foi mais do que bem-vinda!

Não é nada de fácil escolher blogues mais sexys, pois bem sei que escolhendo os meus favoritos fico com os mesmos que já receberam esta mesma honra.

De qualquer jeito, espontaneamente:

http://acoisarosa.wordpress.com/

http://umsitiodiferente.blogspot.com/
http://aryabodhisattva1.blogspot.com/
http://amorumlugarestranho.blogspot.com/
http://asminhaspequenascoisas.blogspot.com/

Picasso

Este outono temos exposição de Pablo Picasso em Helsinque, no museu Ateneum. Sinto vergonha de dizer que ainda não fui lá, mas vou tentar encontrar um tempinho ainda antes das férias. Hoje depois da academia e algumas compras passei por aí, mas como tinha tantas coisas comigo e a fila foi assim como na foto, desisti e vim pra casa. Talvez amanhã... ou semana que vem...

Outra coisa: esqueci de falar que ontem o meu pai fez 60 anos. Ele está viajando na África, então não dá para dar os meus parabéns pessoalmente. Também esqueci de tomar cava por ele, mas hoje vou corrigir o erro ;) Apesar de pouco contato que temos, ele merece...

Fim de semana :)

Olá pessoal!

Estou sem novidades, mas quero dar sinais de vida e desejar um ótimo fim de semana a todos! Sei que no Brasil foi mais um feriado, por qual sinto uma enorme inveja, já que nós aqui no fim do mundo não temos feriado nenhum entre junho ("sol de meia-noite") e natal (a maior escuridão).

Eu aqui já estou contando os dias pras férias (faltam 28), e aos poucos tentando me preparar. Tipo ontem finalmente recebi vacina contra a febre amarela e meningite. Verdade, já viajei várias vezes pro Brasil sem vacina contra a febre amarela, mas tinha entendido que às zonas onde costumo viajar não é obrigatório (porém recomendável). Mas sei que é melhor não arriscar... ainda sonho que um dia existirá vacina contra a dengue!

Por acaso esta semana nem foi a pior no trabalho, até que gostei, imaginam?! Mas agora, como chegou o fds, estou com a mesma preguiça de sempre: teria tantas coisas pra fazer, mas só queria bloggar, ler livros, sonhar, fazer compras (em vez de arrumar a casa e essas coisas)...

Quanto às compras... sou péssima em investir na minha casa, comprar móveis e tal. Mas hoje de manhã (faz uns 30 minutos...) fiz um "click" e comprei uma mesa nova pra cozinha (ou pra sala, pois a minha cozinha abre à sala, o apartamento é pequenino). Então com o tempo talvez consiga renovar os móveis, que realmente estão comigo faz demasiado tempo (alguns já comprei na época de estudante). Como sabem, costumo investir em outras coisas... Se desistisse das minhas viagens, já pagaria com mais depressa o empréstimo (do apartamento) etc.

Mas como é óbvio que não sou assim tão racional; prefiro viver a vida, viajar, curtir, comprar vestidos, saias, calças jeans e sapatos... ahh, já lhes contei que finalmente encontrei botas pretas?! Sim, domingo passado comprei, acho que são estas.

Pois é, a minha vidinha está mais ou menos bem, enfim.

Beijos, se cuidem!

segunda-feira, novembro 16, 2009

Canibália

Nestes dias tenho escutado bastante o cd "Canibália" de Daniela Mercury. Estou adorando, é uma ótima música para sair no frio de manhã (e olham que preciso dessas musiquinhas!)... apenas não gosto quando ela canta em inglês, mas sinceramente gosto ainda menos quando uma outra cantora baiana canta em inglês...

Esta é que me faz sorrir:

TAP

(já lhes aviso que este texto ficou confuso...)

Não faz muito tempo que cheguei de Lisboa, mas já estou pensando em voltar! Calma, não é para ficar em Lisboa, porém para viajar na TAP a Salvador, com conexão no aeroporto de Portela.

Sei que muitos (especialmente brasileiros) não gostam da TAP, falam que as aeromoças são antipáticas, o atendimento é ruim, a comida não é boa etc etc. Eu particularmente não tenho nada de reclamar. A comida, claro, não é grande coisa, mas também não é (na minha opinião) pior do que a das outras companhias aéreas. Bem, ano passado gostei muito de viajar na KLM de Amsterdão a São Paulo, mas mesmo assim prefiro um vôo mais curto que vá diretamente à minha Bahia.

Estou com passagens compradas já desde a primavera (européia), mas deixei algumas coisas abertas assim que posso trocar os vôos se aparecer uma opção melhor. Quando comprei a passagem, a TAP ainda teve o mesmo horário que teve no verão para Helsinque-Lisboa. Partida cedo de manhã e chegada às 8h30 (ou algo assim) em Lisboa. E o vôo de Lisboa a Salvador ia partir daí umas horas mais tarde - então seria uma viagem perfeita (para quem nunca conseguiu viajar de Helsinque a Salvador com uma escala só, e raramente no mesmo dia!). Bem, primeiro mudaram o horário HEL-LIS assim que só chegaria em LIS de noite e também mudaram o horário LIS-SSA assim que vai partir de tarde. Foi um adeus a "uma escala". Depois marquei vôos HEL-AMS-LIS para substituir o vôo direto de TAP HEL-LIS. Tudo bem, só que o horário da TAP de LIS-SSA muda o tempo todo e tenho medo de não ter suficiente tempo em Lisboa, assim que ou posso perder o vôo ou pelo menos a minha mala vai ter um grande risco de ficar na minha cidade, neste caso "no caminho".

Por isso pensei que ainda poderia trocar o vôo HEL-AMS-LIS (num sábado de manhã), pelo vôo direto da TAP na noite anterior. Assim chegaria em LIS numa sexta-feira de noite e ainda poderia curtir a noite no meu Bairro. Seria legal, né? Semana passada ainda vi que existe esse vôo sexta-feira de noite. Mas... TAP mudou os horários de novo, só hoje que vi! Naquela sexta-feira o vôo parte daqui novamente cedo de manhã (como foi no verão). Claro que não poderei viajar sexta de manhã ainda, pois vou ter que trabalhar esse dia. E aí, pensei que então sábado de manhã pegarei esse vôo direto... E notei que no sábado tem o "velho" horário que só parte de noite... Pode ser mesmo? Agora só fico esperando se os horários ainda mudam, pois preferiria pegar o vôo direto a Lisboa nesta vez. Ou finalmente fico com o que já tenho, não é tão ruim assim, mas me faz nervosa... mas acredito que tudo vai correr bem, e ainda falta um mês e pouco...

Bom, ainda digo que viajar na TAP é bom, mas que parem de mudar os horários :)

Por acaso a companhia aérea finlandesa Finnair entrou em greve hoje, e podem imaginar como os clientes viajantes ficaram chateados...

Como se vestir...

Para este inverno comprei algumas saias para usar com botas no trabalho. Quer dizer, saias menos curtas, que não causariam confusão nenhuma... ;)

O maior problema é o tempo. Se nevar/chover/fizer muito frio, fico com as calças mesmo... Não quero estragar as botas nem sentir frio com a saia.

Outro problema é a preguiça. Hoje já tinha decidido me vestir uma saia, mas na hora de vestir as meias-calças desisti e fui buscar umas calças jeans :) simplesmente não tenho paciência de me vestir muito cedo de manhã, precisaria de uma hora em frente de espelho...

Foi uma pena, pois hoje o tempo pelo visto vai ser "razoável", para os próximos dias a previsão do tempo já promete chuva.

Boa semana a todos vocês!

domingo, novembro 15, 2009

Coisas que não se fala...

...para as mulheres, pelo menos não para mim (mesmo que seja toda verdade):

"mas vc não é gorda...deve ter uns quilinhos a mais...só isso.."

Só isso?

Ai que raiva... E o projeto 35 tem que começar com mais força, agora mesmo, sem demorar!

Envelhecimento 2


Ou não necessariamente envelhecimento, mas aquele negócio de "perder tempo" quando não se sabe mudar a sua vida... já ia escrever sobre o tema depois de ter ido a Turku, mas fiquei esquecendo/não tendo tempo por causa da minha mini-viagem a Lisboa.

Bem, foi uma conversa de três colegas minhas, que ouvi por acaso e a minha grande curiosidade não me deixou resistir a entrar nessa
... Elas todas têm uns 50 anos, e o colega de quem falaram tem mais ou menos a mesma idade.

Senhora A: - O nosso amigo X ainda fica com a mulher?
Senhora B: - Sim, ainda... se vê que ele não está bem no casamento, mas aí fica. Última vez falou que no ano 2011 vai sair.
Eu: - Eu nem sabia que ele tá assim...
Senhora C: - Sim, ele está... Todos nós também (as três senhoras) estamos na mesma, mas não sabemos como se separar, esta vida de casada tem os seus prós e contras...
Eu: - Claro, mas não tem pensado que perdem muitos anos de vida ativa assim? Depois já pode ser tarde demais! Bem, sei que não é fácil, mas...
Senhoras A, B, C: - Verdade, talvez daqui a uns anos...
Eu: - Bem, pouco sei daquilo, mas fico cada vez mais convencida que viver só não é tão ruim assim (risos, ironia...)
Eu (continuando): - Mas se ele já sabe que vai se separar (ou sei lá se ele sabe de verdade...), por que esperar mais dois anos e não sair agora mesmo? Por que perder mais tempo??

(Pelo visto há muitos casais nessa mesma situação que nem imaginamos. De qualquer jeito, acho muito triste...)

sábado, novembro 14, 2009

Envelhecimento

Domingo passado fiquei tristinha ao ver uma foto minha (tirada por Deivid), na qual estava rindo (coisa positiva), sim, mas esse sorriso revelou quantas rugas é que já tenho. Fiquei assustada, essas rugas apareceram "do nada" nos últimos tempos, até que poderia dizer que nos últimos 6 meses ou menos.

Isto me fez pensar, mais uma vez, na minha vida, como poderia vive-la de uma maneira que não consumisse tanto... e claro que me lembro bem do meu projeto 35, que praticamente nem começou (realizou) ainda, por acaso por causa de trabalho... e aí vem novamente a questão de se vale a pena trabalhar tanto e "perder" muitas coisas boas da vida e envelhecer mais rapidamente do que devia.
Tristeza. E péssima sou eu que não tenho coragem de fazer qualquer mudança.

quinta-feira, novembro 12, 2009

Tô aqui...

...apesar de demorar a escrever qualquer coisa.

Como devem saber ou pelo menos adivinhar, as minhas mini-férias "em casa" foram uma maravilha. Adorei cada minuto, quase não fiquei chateada com as pessoas/coisas/comigo mesma (o que costuma acontecer comigo). Até me surpreendi por ter conseguido curtir tanto depois de muito estresse no trabalho. Foi bom sentir-me em casa, passear pela cidade, sonhar, sorrir, fazer compras, reencontrar amigos e conhecidos, tomar umas/todas no Bairro, falar português, ouvir português, ouvir música latina no meu bar, comer pastéis de Belém no Belém mesmo, sentir o cheiro das castanhas assadas "quentes e boas", almoçar no Chapitô, tomar vinho, tomar caipirinhas e aí já me repito, rsrs. Não é nenhum segredo que queria ter ficado, para construir a minha vida novamente, para começar as novas rotinas, para conhecer melhor o "dia-a-dia" de Lisboa.... ai ai, como esta ideia não sai da minha pequena cabeça! Um sonho meu. Um sonho lindo, mas ainda distante.

E a volta à minha realidade:

Esta semana foi mais uma confusão: cheguei na segunda-feira de manhã e fui logo trabalhar, quase sem dormir. Mas aquele dia correu até bem, ou digamos "mais ou menos". O próximo dia já foi pior, estava me sentindo um pouco doente (e ainda tive que ir assistir um jogo de hoquei no gelo com os colegas de trabalho), mas ainda bem que não piorou, acho que já estou bem. O cansaço e alguma dor de cabeça ainda ficam. E o frio; aqui nevou de novo (já tinha nevado aquela noite que eu tinha partido para Lisboa) e o vento frio bate na cara, isso dóóooi!
Além disso, é óbvio que o trabalho não tem fim, mas estes dias nem foram os piores que já tive.

Então as boas lembranças é que ficam: aqui tem umas fotos do domingo que passei no Belém com os meus queridíssimos amigos Solange e Deivid (na foto):

Exposição sobre Amália no Museu da Eletricidade...


Já ao anoitecer...

Então é só isso por hoje - quer dizer, é só saudade!

Beijinhos, e bom fim de semana (já tá quase...)!

sábado, novembro 07, 2009

Zilian

Como adoro os sapatos de Zilian! A minha procura de botas pretas não deu o resultado desejado, mas achei estas botas castanhas bem "giras" e simplesmente não pude resistir!

Beijinhos e bom fim de semana a todos, eu cá vou voltar às compras...


sexta-feira, novembro 06, 2009

A minha cidade linda

Hoje fiz um belo passeio turístico na zona de Alfama. Descansei os pés (e a alma) no Miradouro da Graça, qual é sem dúvidas um dos meus lugares preferidos em Lisboa. Muito lindo mesmo.



quinta-feira, novembro 05, 2009

Lisboa

Sei que me repito, mas mais uma vez tenho que falar que amo esta cidade. Cada vez que chego aqui fico ainda mais apaixonada. E cada vez mais me encontro pensando "Qual zona aqui seria boa para viver?", "Será que adoraria tanto viver aqui como imagino?", "Como seria a minha realidade aqui?", "Onde é que iria na academia, no Holmes Place?" e aí em frente... as perguntas na minha mente são intermináveis. Nem quero pensar que daqui a uns poucos dias tenho que voltar à minha realidade, aquela que "já foi vista", que já não me dá tanto quanto "tira", que me suprime...

Bom, não posso pensar nisso (a minha realidade) ainda, é bem melhor ficar sonhando (e ainda melhor seria tentar realizar o sonho, claro!).

terça-feira, novembro 03, 2009

Sem planos, sem horários

Sim, amanhã vou viajar à minha cidade linda. Não, não combinei nada com ninguém pelos mesmos motivos de sempre:

1) Os que queria ver pouco se interessam por mim.
2) Alguns outros, insistem em encontrar comigo, mas não tenho a mínima vontade de encontrar com eles, de me prender (com as pessoas "menos queridas"), de fazer uma agenda cheia e provavelmente "incerta". Como já sei que combinado por aí nem sempre significa combinado, e aí perco a paciência...
3) Prefiro estar sozinha mesmo. Se aparecer companhia nas noites de Lx, já é outra história...

Como adoro a minha liberdade, a liberdade de escolha!

domingo, novembro 01, 2009

Turku

Este fim de semana estive em Turku, na cidade onde morava na minha adolescência. Apesar de já não viajar tanto pra lá, ainda a adoro. Este fim de semana infelizmente não tive muito tempo para curtir a cidade por causa de um evento/uma festa da empresa que ocupou o meu sábado todo. Mesmo assim, deu para tirar essa foto do rio Aura ao entardecer (ontem às 16h).

Próximo destino: Lisboa...

Beijinhos, boa semana!

quinta-feira, outubro 29, 2009

Os meus sonhos 2

Já aconteceu mais do que uma vez que sonhei com pessoas com quem não devia...

Um exemplo que nunca me vou esquecer: sonhei com um amigo, com quem tínhamos uma relação completamente profissional/formal, no máximo amistosa. E sonhei com ele... foi um sonho muito bonito, com tanta paixão, não posso dizer que fosse particularmente erótico, mas também nada de inocente... E aí, imaginem a próxima vez que o vi. Estava morrendo de vergonha. Foi um sentimento estranho, tinha certeza que ele sabia do meu sonho/tinha visto o mesmo - claro que não foi o caso, mas como o sonho foi tão real para mim, não acreditava que ele não estava mesmo lá. Adorei o sonho, e adorei cada vez mais esse homem, cada vez que o vi, fiquei babando... Mas foi só isso, uma amizade que depois ficou mais forte (ainda bem). Só que nunca mais consegui sonhar com ele, ou seja: sonhava com ele "apenas" acordada.

segunda-feira, outubro 26, 2009

O final de outono 2

Como foi difícil tirar uma foto decente com iPhone, na chuva e na escuridão. Melhor do que esta não consegui hoje. Dá para ver as folhas no chão, até foi mais "perigoso" andar na "rua de folhas" do que no gelo ;) Mas olha que lá fui eu, que normalmente evito o frio e durante o looongo inFerno prefiro academia às caminhadas/corridas. Por outro lado, sei como o ar fresco faz bem à saude (mental), e prometo que não foi a última vez que faço isso depois de um (longo) dia de trabalho. Recomendo altamente!

Beijos e boa semana

domingo, outubro 25, 2009

Os meus sonhos

É para falar dos sonhos que vejo de noite, nem tanto daqueles que "vejo" durante o dia/acordada :) Mas posso dizer que os dois são bem frequentes!

Primeiro, os meus sonhos tem sido estranhos, uma mistura de stress de trabalho e tempo livre/viagens. Ao mesmo tempo, são típicos de mim, sempre tem coisas que não se resolvem de jeito nenhum, muitas vezes estou atrasada, não consigo seguir em frente, é um tipo beco sem saída. Por exemplo: hoje acordei aliviada. No meu sonho estava na Praia da Rocha. Foi uma mistura dos anos 90 (teve aquelas pessoas que conheci quando morei um verão lá), do meu trabalho atual (tive aí reuniões super difíceis com o pessoal do trabalho) e ao mesmo tempo estava aí simplesmente de férias: foi o meu último dia (domingo) e pelo visto tinha atrasado do último ônibus possível que me levasse a Lisboa, para chegar em tempo / para não perder o vôo noturno da TAP para Helsinque. E havia mais uns pormenores (pessoas) que não faziam sentindo nenhum nesse contexto, mas prefiro nem contar...

E como me lembro dos meus sonhos? Ás vezes me lembro deles quando acordar, mas depois me esqueço logo e nunca mais penso neles. Mas... acontece que tenho "flashbacks" -podem ser fracos ou fortes- quando me deito outra vez e fecho os olhos.

Para terminar este post: esta música me deixa sonhar acordada:


sábado, outubro 24, 2009

Onde Você se Esconde...

Encontrei este vídeo por acaso (estava procurando totalmente outra coisa). Mas como hoje (como muitas vezes sábado de noite) sinto saudades de um grande amigo, achei uma boa escolha... sem mais comentários.


O final de outono


Ontem fiquei com uma enorme vontade de ver o céu azul (olhem aquela foto que coloquei ontem!). Aqui os dias estão tão cinzas, e costumam ser assim durante vários meses... e ficam cada vez mais curtos...

Estas fotos são para vocês saborearem o final de outono do sul da Finlândia (tirei hoje de manhã). Bem, as temperaturas são de inverno, mas oficialmente ainda estamos no outono. Coisa boa deste fim de semana: amanhã ganhamos uma hora (começa o horário de inverno).

No mais: sem novidades. Hoje andei nas lojas procurando botas pretas (simples, mas com salto), mas não encontrei nadinha. Só comprei algumas roupas em vez de sapatos.

Beijos, bom fim de semana a todos!



Um pouco sobre mim

Ontem recebi um selinho do Enzo. Fiquei feliz e surpresa por ser eleita na lista dele - obrigada pela atenção! Então aqui vem...

Regras:

O link de quem indicou: http://umsitiodiferente.blogspot.com/

Postar o selo: Vou tentar! Se pular algumas perguntas, me perdoem, tá?

Passar o selo a 5 (10) Blogs Perfeitos (tentei escolher blogues diferentes... e agora são 7)

Singularidades

As minhas pequenas coisas
Leo na Finlândia
Poveirinha
Um pouco de tudo
DeLight
Made in Brazil


Mania: Esta primeira está difícil (para mim ficou a última). Acordar cedo nos dias úteis. Sempre sair da casa na mesma hora. Um dia quero quebrar as minhas rotinas...

Pecado Capital: Sei lá se tenho... viagens? sapatos?

Melhor Cheiro Do Mundo: Mar.

Se o dinheiro não fosse problema: Simples: me mudaria daqui do fim do mundo.

História de infância: Desculpem por ser pessimista, mas só tenho recordações menos boas.

Habilidade como dona de casa: Gosto de cozinhar. Quanto à limpeza...aí já vem a preguiça.

O que não gosto de fazer em casa: trabalhar.

Frase preferida: "Se o homem certo não aparece, há outras coisas bem piores. Uma, é aparecer o homem errado." e claro que não pode faltar esta: "Melhor sozinha do que mal acompanhada"

Passeio para o corpo: Academia, spinning, body combat, caminhadas, passeios de bicicleta. Amo praticar esportes, mas ultimamente não tenho tido suficiente tempo para essas coisas.

O que me irrita: Mentiras - gente que fala uma coisa e faz outra, homens que falam muito e fazem pouco ;) Frio, chuva.

Vou aos arames quando: ...me fazem esperar ...me ignoram.

Talento oculto: Acho que não tenho.

Frases ou palavras que uso muito: tá, imagina

Palavrão mais usado: Evito usar, me sinto uma idiota quando essas palavras saem da minha boca. Em português nem sei usar. Nunca aprendi, nem quero aprender.

Queria ter nascido a saber: melhor nem pensar...

sexta-feira, outubro 23, 2009

Coitadinhos dos meus olhos

(Esta foto não tem nada a ver com o texto, é apenas para demonstrar a minha saudade dessa cidade à beira do Rio Tejo, sim, o Rio... Espero estar lá daqui a (menos de) 15 dias!)


Apesar de trabalhar demasiadas horas por dia, praticamente o tempo todo em frente de pc, (quase) sempre que chego em casa a primeira coisa que faço é ligar o laptop e começar a ler o facebook, os blogues etc. Antes até que deu passar algum tempo no fb no trabalho, mas hoje em dia... esqueça!

E depois ainda reclamo de dor nos olhos...

Sexta-feira

Vontade de estar com os amigos não me falta, mas energia sim. Me sinto tão insuficiente, não consigo fazer tudo o que queria, aquilo que mais queria...

Já faz semanas que convidei uma amiga à minha casa para jantar/tomar uns copos nesta sexta-feira. No início de semana já pensei (e falei pra ela) que parece difícil. Hoje já não teve jeito; fiquei no trabalho até às 18h, a minha casa está com a mesma bagunça de sempre e "ninguém" tinha feito as compras necessárias ainda. Tão típico de mim. Estou precisando de companhia, dessa boa conversa, mas por outro lado não consigo... para mim foi (mais uma vez) mais fácil cancelar o encontro (e "desistir") do que fazer um pequeno esforço, deixar o trabalho de lado. E olham que nem sou nada de carreira, então por que esse sacrifício todo por causa de trabalho?!

Benfica

Estou cada vez mais convencida que este ano é do Grande Benfica!

domingo, outubro 18, 2009

Amizades...

Enfim, acabei por sair ontem. Na academia uma amiga minha me convidou para tomar um copo de vinho e não pude resistir, já que não é sempre que tenho companhia. Por acaso tomámos uma garrafa (saiu mais barato assim!)... Tudo bem, só que não rolou compras depois como tinha planejado... De noite saímos de novo. Na verdade não tinha a mínima intenção de sair, já que estava cheia de estresse e assim (em princípio) não muito bem humorada. Assim só pode acabar mal, né? Bem, fomos a um barzinho legal, então valeu muito a pena conhecer coisas novas (essa amiga também não conheço desde sempre, nem muito bem). Mas a minha cabeça realmente não aguentou muita bebida, fiquei irritada por qualquer coisa que não devia, e voltei pra casa já antes de meia-noite. E de manhã acordei com uma dor de cabeça, não apenas por causa de "cachaça", mas também por ter comportado como uma idiota, por ter ficado chateada e ofendida por nada.

Enfim, o que quero dizer com tudo isso:
1) Antes sabia me divertir. Era uma pessoa alegre e "divertida" (acho...). Hoje em dia estou uma chata :(
2) Tenho poucos amigos, fico a maioria do meu (pouco) tempo livre sozinha em casa. Quando der, tenho/teria que aproveitar a companhia dos amigos(as) e relaxar, na boa.
3) Se nota que estou muito cansada mesmo, que os fins de semana são muito curtos para mim. Não sei como passar o fim de semana na melhor maneira para me sentir descansada na segunda-feira. Sinto que só queria dormir e descansar em casa, mas por outro lado preciso de conversar, ver pessoas e saber como elas estão, ouvir as "histórias" delas... Quero tomar uns copos, mas nada de exagero. Por outro lado quero ir na academia, já que durante a semana costuma ficar complicado (por causa de trabalho, lógico).
4) Como é importante ter amigos... devia dar mais valor a eles e parar de ser tão egoista ou sei lá o que... quando alguém conversa contigo umas longas horas, escuta os seus "problemas", se preocupa contigo e "gasta" o seu tempo, tem que valorizar e respeitar. Tenho muito para aprender nestas coisas bem básicas. Nem sei se um dia aprendo, tanto tempo que fiquei sozinha e "isolada" na minha vida. Complicada esta vida minha. (E sei, quem a complicou fui eu mesma!)

sábado, outubro 17, 2009

Estresse

Como é chato acordar no sábado com o primeiro pensamento "semana que vem vai ser horrível, não sei como consigo fazer tudo isso que devia, não tenho tempo nem para a metade... E a semana já está cheia de reuniões..."
Além disso, fiz o maior erro: olhei na caixa de e-mails do trabalho (com celular de trabalho que normalmente nem levo pra casa) e quase pirei (tem mais algumas coisas pra fazer, claro).

E agora estou com aquela dor no estômago por causa de stress. Ninguém merece, ainda menos no sábado. Tô tão chateada que não sei se consigo ir malhar etc. Sei, culpa toda minha, de várias maneiras.

Desculpe por reclamar, #prontofalei.

segunda-feira, outubro 12, 2009

Falo demais

Um teste no facebook "Qual é o teu maior defeito" me deu o resultado "Falas demais". Verdade. Nesta vez acertou.

Normalmente, tipo no trabalho, acho que o maior problema é que falo alto. Já ouvi muitas vezes falarem: "Ahh, ouvi (desde longe) que você chegou..." e eu só fico com vergonha e falo "Ai meu deus, sempre a mesma coisa!"

Hoje perguntei a uma colega se falo muito alto e ela disse "Que nada. Você apenas fala muito / o tempo todo". Não o levei como nenhum elógio, mas deve ser a verdade :) Então não falo muito (muita besteira) apenas aqui no blog, sou assim na vida real também.

domingo, outubro 11, 2009

Pois é, mais uma semana começando

As minhas semanas não tem sido muito interessantes, parece que além do trabalho não tenho tempo para nada. Mas chega de reclamar, por enquanto. Fazendo um resumo da semana passada entendi que até tive alguns momentos bons: encontrei com meu pai, que apesar de pouco contato/muita "distância" ainda me entende de certa maneira. Encontrei com as minhas melhores amigas ontem, uma coisa a qual não tenho me dedicado o suficiente nos últimos tempos. E posso falar que ontem de tarde estava muito bem humorada, talvez também por causa de uma boa conversa, um café com pastel de nata... são essas coisas pequenas que me animam neste outono longo e escuro (falando disso, a previsão do tempo promete neve para amanhã!). Também comprei algumas roupas de frio; umas botas novas (e olham que quero comprar mais botas/sapatos em Lisboa em novembro...), um casaco quentinho etc. Ahh, e ainda por cima: ontem de noite saí pra dançar! Não tinha saído em Helsinque depois de junho, se não me engano. Então como já notaram, hoje fiquei só em casa, com Twitter, Facebook, blogues etc. Também não faz mal nenhum. E agora, tenho que tentar pegar sono, pois amanhã o trabalho não perdoa.

Beijos, boa noite e boa semana!

Desigualdade?

S* escreveu um post maravilhoso "Quantos..." no blog "As minhas pequenas coisas".

Eu já pensei várias vezes responder "três" em vez de "não contei", quando me perguntam o número de amantes/"casos" que já tive. Fico nervosa com esse tipo de perguntas... Nem que sejam tantos, mas de qualquer jeito... é uma pergunta para qual nenhuma resposta está certa. Quantos eu devia ter tido, lembrando que tenho quase 35 anos e a maioria da minha vida era solteira? Seria normal se tivesse tido "apenas" três? Homens podem/devem falar agora! :)

Quero um homem espanhol...

... ou brasileiro! Alemães não conheço, nem deu vontade de conhecer se acreditar na pesquisa de Onepoll.com. Pelo visto esta pesquisa foi publicada já faz algum tempo, mas fiquei sabendo só hoje...

Os melhores e os piores amantes:
- No Jornal de Notícias (ponto de vista português)
- No Abril.com (ponto de vista brasileiro)

Simão

Simão continua lindo e ainda melhor: sabe jogar/marcar...

sábado, outubro 10, 2009

Pastéis

Então fui lá, com a minha querida amiga Annina, no Café Posto para tomarmos café e uns deliciosos pastéis de nata... Coisa boa. Quero voltar logo...

Falta foto do pastel, mas os meus queridos leitores já devem saber como é essa delícia. O café fica em Lönnrotinkatu 9 (Helsinque). Recomendo altamente!

sexta-feira, outubro 09, 2009

Deu água na boca

Fiquei com vontade de comer um pastel de nata... Quem sabe amanhã vou tomar um em Helsinque mesmo. #cafeposto

(A foto é de Londres... semana santa 2009)

segunda-feira, outubro 05, 2009

Você acompanha?

O enquete do dia na intranet da empresa foi o seguinte:

Acompanha blogues?

E o resultado foi (com umas 600 respostas quando o copiei, no final do dia teve quase mil respostas e o resultado era praticamente igual):

Sim, e também tenho/escrevo blogue(s) 3%
Sim, acompanho regularmente 7%
Sim, já visitei alguns... 23%
Blogues não me interessam 61%
Não sei o que é um blogue 5%

Fiquei meio sem comentários: 5% nem sabe o que é vs. 3% escreve num blogue... eu sou mesmo muito estranha :)

Beijos a todos os blogueiros!

domingo, outubro 04, 2009

Fim do mundo

Já faz semanas que o outono chegou para o fim do mundo e daqui a pouco já estamos em pleno inverno. Se falarmos das temperaturas, para quem é de fora, aqui só tem uma estação de ano, o inverno. Ou no máximo duas: outono e inverno. Bem, quem pensar positivo, consegue ver alguns sinais de primavera também, isso em maio-julho :) De qualquer jeito o fato é que é o frio que domina, de setembro/outubro a abril/maio faz (muito) frio e pronto. O verão é curto e com pouca neve, disso não há dúvidas, nem vale a pena discutir.

Mas não é só o tempo que faz eu (e muitas outras pessoas!) sentir que este é o fim do mundo. Ou talvez o tempo seja parcialmente culpado, mas não acredito que sempre...

O problema é que aqui a vida tá muito parado. Não falo de falta de discotecas e bares, aí tem (pois apenas nos finais de semana) gente, gente bêbada (e tudo bem, eu também bebo quando/se sair). Mas o resto... tente fazer alguma coisa durante a semana... faz um passeio no centro de Helsinque, pela rua Aleksanterinkatu por exemplo, por volta das 20h e já não encontra pessoas, está quase deserto. Até dá medo, ou pelo menos desanima.

Domingo passado fui no cinema com a minha amiga. Como ela mora ao lado do shopping Sello em Leppävaara, Espoo, decidimos ir no cinema desse shopping (ou fica ao lado, não precisamente no shopping...). Mais uma experiência deprimente, de várias maneiras. (O filme era bom, sim!)

Deixa eu tentar explicar:
1) Shopping na Finlândia não é (tradicionalmente pensando) para diversão. É para fazer compras. Não tem tantos restaurantes/cafés como nos shoppings em Portugal ou no Brasil. Tipo Sello é um dos maiores shoppings da área capital/do país e tem poucas opções para almoço, ainda menos para jantar. Cinemas num shopping ainda é uma "novidade" neste país, pelo menos em Sello parece que não faz muito sucesso. Aí ao lado do cinema há alguns restaurantes, mas no domingo nem todos (dos poucos) abrem.
2) As lojas não abrem nos domingos, apenas os supermercados pequenos podem ficar abertos. Então o shopping também não abre. Assim os poucos cafés e restaurantes que lá tem, ficam fechados.
3) Bem, fomos ao cinema. Não sei quantas salas tem esse cinema, mas suponho que tenha de diferentes tamanhos. A sala onde fomos ver "Los Abrazos Rotos", era pequenina, porém muito linda. Teve apenas 4 filas, com cadeiras grandes, com muito espaço para cada um. Muito lindo mesmo. Agora devem pensar que fica logo "lotado" e num país organizado como Finlândia os bilhetes para uma sala tão pequena devem ser adquiridos semanas antes :) Nem por isso, a sala estava metade vázia :)
4) Saímos do cinema... eram 20h de noite. Leppävaara é um dos bairros "recém-crescidos" em Espoo. Em arredores de Leppävaara moram dezenas de miles de pessoas (na escala finlandesa isso é muita gente). Mesmo assim, quando saímos do cinema, encontrámos mais uma vez ruas desertas. Não havia ninguém em lado nenhum. As pessoas simplesmente não saem da casa num domingo! Bem, eu também não sei se saio hoje, é por causa da chuva forte...

Olha só que sou igual a "eles", também sou toda finlandesa, não posso negar esse fato. A cultura que aqui temos, é feita por nós. Nós é que nos causamos depressão. Nem tentamos fazer o outono mais divertido. Pois nem todos "eles" veem problema nenhum nisso. Ou talvez uma boa parte do povo esteja feliz assim. A vida aqui é muito concentrada em casa (a minha também), de uma maneira diferente do que é no mundo "latino". As famílias almoçam/jantam em casa, as atividades que têm são mais esportivas do que outra coisa, tipo encontros entre familias/amigos. Arrumar um tempinho para encontrar amigos muitas vezes é difícil, tem que ser marcado na agenda com muita antecedência.

E por que ainda estou aqui? Boa pergunta. Talvez por ser finlandesa demais. Ou é pura preguiça.

Bem, foi mais ou menos "só" isso por hoje.

Bom domingo a todos, e boa semana (a minha vai ser com muito trabalho, surpresa...)!

sábado, outubro 03, 2009

Há pessoas e pessoas

Há gente de quem gosto (até posso me apaixonar...) "à primeira vista" e outra com quem nunca consigo encontrar alguma química. O mais chato é começar a não gostar das pessoas que mostram indiferença comigo. Obs! na maioria dos casos gosto das pessoas que gostam de mim/que se comportam bem comigo, mas no caso contrário simpesmente já não consigo gostar. Lamento, mas sou assim, não posso ignorar esse tipo de comportamento...

Acredito muito na expressão "primeira impressão é a que fica", muitas vezes é assim mesmo!

#prontofalei

Bairro Alto (ai que saudades...)

Uma dica de um bom vinho no Bairro é sem dúvidas o Bar do Pedrão, ou seja Wine Bar Alfaia/Alfaia Garrafeira. Agora é ainda mais famoso, graças a um artigo no Globo. Parabéns pelo bar, Pedro :)

Também gosto muito do Bairro's Boteco (não tenho certeza absoluta do nome) no fim da Rua da Barroca. Saudades das meninas daí... Um bar calmo, mas gosto assim.


Espero voltar daqui a uns 30 dias! A saudade já tá enorme!

(Foto: Rua da Barroca no verão)

Nasceu

Faz algumas horas que nasceu o filho da Ivete. Parabéns Ivete, e espero te ver ano que vem no Rock in Rio Lisboa de qualquer jeito, tá?

Por causa da falta de criatividade, coloco aqui um vídeo antigo dela, por acaso do primeiro show dela que vi...




Ahh, não resisto, vem aqui outro ainda...



Não me canso com estas músicas...

Beijos e bom fim de semana!

sexta-feira, outubro 02, 2009

#Rio2016

Parabéns, Rio de Janeiro, Cidade Maravilhosa!


quarta-feira, setembro 30, 2009

Ai que medo...

O frio já tá chegando :(



segunda-feira, setembro 28, 2009

Três anos

Amanhã é o terceiro aniversário do meu blog. Parece que o níver do meu blog é sempre maior festa para mim do que o meu próprio aniversário :). Apesar de não ser nenhum grande sucesso, ainda sinto uma certa "obrigação" de mantê-lo mais ou menos atualizado. Na vida "real" não sou muito ambiciosa, mas com este blog sou um pouco mais... Admito que queria me dedicar até mais à escrita, mas como não tenho tempo para tudo, fica difícil. É triste, pois às vezes nasce uma pequena jornalista dentro de mim (porém nada de jornalista de verdade, claro!), que queria investigar o mundo, os fenômenos e aprender com eles, e por fim escrever qualquer coisa. Assim como faço agora, mas algo mais pensado, mais profundo. Quem sabe um dia!

Vejo que com os três anos de blogueira mudei um pouco, talvez escreva melhor agora, sei lá... também os leitores já não são os mesmos que no início, o que acho apenas normal... às vezes sinto "triste" quando entendo que alguém já não passa por aqui ou pelo menos nunca mais faz comentários. Por outro lado, sempre tem gente nova que entra em contato comigo e fico bem feliz por isso. Coisas pequenas da vida :)

Como tenho o NeoCounter no blog (coloquei depois do primeiro ano), sei mais ou menos o número de visitas. Durante o segundo ano tive quase 10 000 visitas e durante o terceiro ano um pouco menos (7 300). Mesmo assim, pretendo continuar a escrever, se vocês continuam a ler :)

De qualquer jeito, agradeço desde já a vocês, meus caros leitores, por estarem presentes, pelos comentários, pelas boas conversas, pela companhia!

É só isso por hoje, amanhã vai ser O dia :)

Beijinhos, boa semana!

domingo, setembro 27, 2009

Novidades?

Na verdade não tenho nada de novo para lhes contar. A minha vida agora está "um pouco" monótona, o trabalho domina e deixa pouco tempo livre. O pior é a falta do tempo/energia para academia. Ontem foi a primeira vez da semana que fui treinar... mas vamos ver se esta semana seria um pouco melhor, nunca se sabe!

Ontem depois de academia fui fazer umas boas compras. Ou seja: comprei tudo que gostei de comprar; bolsas, roupas esportivas, umas calças jeans (queria ter várias!) e algumas roupas para festas. Ahh, e enfim comprei um par de sapatos, mas realmente foi difícil encontrar. Sapatos aqui (nesta época ainda mais) são tudo menos bonitos! O problema foi que não comprei nada do que mais precisava: roupas para trabalho e roupas para o frio. Tão tipico de mim.

Hoje vou tentar ir na academia e depois finalmente vou assistir o filme "Los Abrazos Rotos" de Almodóvar. E amanhã já é segunda-feira de novo...

Mulheres (in)dependentes

Mais uma coisa que (quase) me irritava (sim, hoje é um dia desses, rsrs):

Margarida Rebelo Pinto escreveu no seu blogue "Com muito prazer" que mulher (ainda) não pode ser financeiramente independente sem ser herdeira ou algo do género. Que isso??!

(O resto do mesmo post até que gostei, como gosto dos posts/livros dela...)

Eu já reclamei do mesmo, porém do ponto de vista contrário...! Quer dizer que já nem gosto de ser independente, quero alguém pagar as minhas contas! ;)

Sim, conheço várias mulheres financeiramente independentes, quase todas as minhas amigas finlandesas são! E pelo menos o meu caso não é nenhum dos mencionados (herdeira, bem divorciada etc) no blog dela...

O que aprendemos com isto: Viva as diferenças culturais :)

Preconceito no Brasil

Oi, bom dia de domingo!

Estou com sono ainda, mas vamos ver se consigo pelo menos dar a minha opinião de uma coisinha, que me irrita de vez em quando (quer dizer, sempre quando alguém fala essas besteiras...). Sem conhecer bem como é na realidade, mesmo assim sempre fico chateada, pois um tipo de preconceito desses não entendo mesmo.

Então é o tema "Lugar do nordestino é no Nordeste". Comecei o meu dia lendo um tópico no Orkut, na comunidade "Amo a Bahia". Por que escrever essas coisas nessa comunidade? Só no Orkut mesmo, heim... ;)

Olha que já tive "amigos" falando de mesma maneira e não tinha o que falar com eles depois.

Beijos, bom domingo para todos!

domingo, setembro 20, 2009

Umas twittadas só

Hoje retwittei um tweet do @PontoMaximo (me divirto muito com os tweets dele) e essa conversa curta fez me pensar...

Foi assim:

@PontoMaximo: "Porque os homens preferem mulheres inteligentes? Porque os opostos se atraem..."
@teeasi: RT @PontoMaximo: "Porque os homens preferem mulheres inteligentes? Porque os opostos se atraem..."
@PontoMaximo: @teeasi exatamente isso ou vice versa.
@teeasi: @PontoMaximo concordo :) mas tb tem mulher inteligente que quer um homem "no seu nível", né?

A conversa no twitter acabou, mas continuou na minha pequena cabeça... tão simples que seja o assunto, enfim, mas fiquei pensando:

- Como todos sabemos, os opostos nem sempre se atraem, ou seja: não sempre fazem o relacionamento funcionar/as duas pessoas se entenderem. Então podem até se atrair, mas depois pode ficar mais complicado, né?
- Por outro lado, é verdade que costumamos procurar algo que não temos, para nos complementar, certo? Nesse caso também o resultado pode (não sempre deve, claro) ser uma desilusão.

- Voltando ao tweet original: "Porque os homens preferem mulheres inteligentes? Porque os opostos se atraem..." --> até penso que os homens "menos inteligentes" não têm coragem de procurar mulheres inteligentes. Pelo menos aqui no fim do mundo, eles se sentem logo inferiores/têm medo de mulheres bem sucedidas.
- E por outro lado: eu realmente acho (como respondi a @PontoMaximo) que mulheres de hoje na maioria dos casos querem um homem no seu nível. Isso aqui no norte (onde uma grande parte da popula
ção tem uma boa formação acadêmica etc), baseando na minha experiência, embora não podendo generalizar...
Quanto aos homens: ainda é visível que há homens que querem mais um tipo de dona de casa e/ou uma mulher bonita e boazinha do que uma mulher particularmente inteligente. Não querem tanto uma mulher independente/inteligente/com carreira. Acho que as coisas ainda estão um pouco assim neste mundo, não é? E não quero voltar à conversa de machismo ou algo do género, o mundo simplesmente ainda está assim, também aqui no norte.

O fato de algumas pessoas realmente procurarem outra coisa do que na verdade querem/precisam, do meu ponto de vista só causa dores no cora
ção das mesmas. Desculpem contar um exemplo da minha amiga: ela é uma pessoa amável, toda boazinha e acredito que seria uma esposa fiel e "para toda a vida". Ela tem um fraquinho (como os tugas falam) pelos homens bonitos, mas infelizmente os menos fiéis, aqueles que brincam com todas e só fazem as mulheres românticas sentir a maior tristeza depois. Esse é o lado ruim de "os opostos se atraírem".

O meu próprio caso já é mais complicado... acho que sou tão masculina que me sinto logo inferior/falhada se o homem é muito rico/inteligente/tudo com que nós mulheres sonhamos :)

Dicas espontâneas de leitura relacionada ao tema:
Beijos de Chocolate de Alice Vaara
Blog (e claro que os livros, adooooro!) de Margarida Rebelo Pinto

Então é só isso por agora, beijos e boa semana a todos! A minha semana vai ser corrida outra vez :(

sábado, setembro 19, 2009

Este post que foi difícil criar...

Olá pessoal!

Nossa, como está difícil com este post... já escrevi várias vezes, copiei e editei o texto, tentei criar postagem nova e tudo, mas sempre quando tentar publicá-lo, ficou todo doido.

Algo positivo:
Vejo que alguns de vocês visitaram aqui - mesmo que fosse sem comentar... mesmo que eu não tivesse sempre novidades... Valeu pelas visitas! Assim tenho mais um motivo de continuar com este blogue. Como sempre, a maioria de vocês são do Brasil, mas sinto que hoje em dia tem mais tugas também, certo? Ou brasileiros morando em Portugal, talvez? ;)

Algo menos positivo:
Esta semana foi mais uma dessas com muito trabalho. Uma reunião de dois dias em Tampere só aumentou o stress, especialmente antes e depois da "viagem". Além disso, sofri de uma dor de cabeça forte durante esses dias. O resto até que correu bem, mas mesmo assim estou com demasiado trabalho e com pouco tempo livre. Assim não se vive bem (pensando no meu projeto 35), isto não se chama vida.

Hoje aproveitei e dormi até tarde, acabei dormindo umas 13 horas, acreditem!
Agora, se conseguir publicar este post, vou (tentar) sair pra academia, ou para uma boa caminhada.

Beijinhos e um bom fim de semana a todos!

Blogger tá doido?

Olha que estou tentando postar, mas o texto não aparece assim como deve (inteiro) quando publicar. Uma chatice. Já escrevi, copiei, editei... bem, cansei.

Volto mais tarde com aquele post, ou talvez nem fosse para publicar, quem sabe...?

Bem, de qualquer jeito lhes desejo um fim de semana animado com esta musiquinha:

segunda-feira, setembro 14, 2009

Vira Virou

Como assim tô na contagem regressiva? Faltam mais do que 3 meses pras minhas férias no Brasil...

Mas como finalmente saiu a programação do Reveillon 2010, Vira Virou Parracho, Arraial D'Ajuda, já fiquei ansiosa...

28.12 - André Lélis e DJ's
29.12 - TRIVELA com Asa de Águia, Batifun*
30.12 - Banda Eva e DJ's
31.12 - Reveillon com Asa de Águia e Vitor Kelsh
01.01 - Timbalada e DJ's

Este ano parece que também no Axé Moi (no Porto Seguro) vai ter algo que vale a pena ver:

29/12 - Chiclete com Banana
30/12 - Tomate
31/12 - Jammil e uma noites
01/01 - Cláudia Leite

Bem, de certa maneira tenho vontade de fazer uma festa longa no dia 29/12: primeiro a Trivela com Asa e depois Chiclete no Axé Moi... mas depois se vê, ainda falta muito tempo!





domingo, setembro 13, 2009

Outono chegando parte 2

Hoje fiz uma boa caminhada de duas horas aqui perto da casa. A temperatura ainda está como no verão finlandês (chega perto de 20 graus durante o dia) e como se pode (mal) ver na foto abaixo: ainda aparecem as cobras nas ruas/trilhas. Pode parecer estranho, mas neste verão não foi nada de difícil encontrá-las aqui onde moro. Uma chatice, sempre quando vejo uma levo o maior susto, rsrs.


Mas os sinais de outono também já estão bem visíveis: as folhas das árvores estão ficando ligeiramente amarelas. Hoje li no jornal, que este ano (por causa de um início de outono "quente") o outono não vai ficar tão lindo como costuma ser (especialmente no norte do país).

De qualquer jeito, coloco aqui algumas fotos (todas tiradas perto da minha casa) para saborear um pouco. A qualidade é a do iPhone, mas dá para ter uma ideia, né?

Beijos e boa semana!

sábado, setembro 12, 2009

Outono chegando

Uma época difícil para mim. Como odeio o frio, não sei como me preparar para mais um outono --> inFerno. Cada ano prometo que "este vai ser o último inverno aqui" sofrendo com os dedos brancos, chorando cada manhã por ter que vestir tantas roupas e nunca ter sapatos, rsrs.

Até hoje tenho andado com sandálias, mas sei que um dia destes tenho que desistir e usar sapatos mesmo. Na verdade nem tenho muitos sapatos, podem crer! Para verão/praia tenho cada coisa, mas quando o frio bate, fico logo perdida... Hoje acompanhei uma amiga num shopping, ela fazendo compras. Sei que eu também devia comprar roupas de frio, mas como não tenho a mínima vontade, fiquei apenas olhando e ajudando ela para escolher alguma coisa.

Estou com uma grande vontade de fazer uma mini-viagem para fazer compras mesmo (tipo em Londres...), mas parece que não consigo tirar nenhum dia livre do trabalho agora. Talvez numa outra cidade ficasse mais animada para enfrentar o frio...

Ahh, felicidades ao casal Faulstich! (Os meus queridos amigos Solange e Deivid se casaram anteontem.) Estou super feliz por vocês dois! Pena que não pude estar presente...

Bem, estou ficando mais uma noite de sábado em casa, nesta vez escutando Martinho da Vila...

Beijinhos e bom fim de semana procês!

segunda-feira, setembro 07, 2009

Homens...

Hoje fiquei mais uma vez impressionada com o comportamento dos homens. Ou seja: de um homem, mas como a situação não me era estranha, posso generalizar? ;)

Entrou em contato comigo um velho amigo, alias um amigo virtual, com quem nunca me tinha encontrado pessoalmente, mas posso falar que faz uns anos vontade não me faltava. De qualquer jeito, em vez de termos avançado, ele sumiu aos poucos, e deu para entender que primeiro ele estava atrás de várias mulheres e depois pelo visto se apaixonou e começou a namorar. Tudo bem, fiquei feliz por ele, e ainda estou. Nunca mais o incomodei, pois enfim ele é que parou de manter contato. Normal, não tenho nada contra e respeito.

E agora, faz uns dias o cara entrou em contato comigo com um ar daqueles... como se nunca tivesse "saido da minha vida" (desculpem pelas expressões exageradas, enfim entre nós não houve nada...) e voltou paquerando e falando que quer me ver. Aí eu falei sinceramente o que estava pensando (sei, sou muito chata nessas situações, não sou nada de agradar!):

"Tá com algum probelma com seu amor? É que nunca mais falou nadinha comigo e agora de repente tem algum interesse de encontrar comigo? Primeiro sumiu totalmente e depois por acaso aparece do nada de novo."

E aí ele, respondeu com calma:

"Verdade, já não estou namorando".

Depois fui ver o perfil dele num site de relacionamentos e aí tem o status "namorando" com várias fotos novas da namorada (como já sabia, pois tinha passado pelo perfil dele faz pouco).

Para mim continua sendo tudo bem que ele tá namorando, mas por que inventar essas coisas? Se quiser traí-la, por que não me fala isso direitinho que eu até poderia entender? rsrs.
Quer mentir para mim ou para ela? Eu já levo as coisas com humor, estou muito mais do que habituada com tipos como esse, mas essa mulher... claro que pode ser que eles estejam juntos nessa brincadeira, mas com a minha experiência posso dizer que raramente é assim. Já fiquei com raiva por causa de alguns homens parecidos, mas agora ou me divirto ou simplesmente sinto pena. Nem sei se sinto mais pena por ele ou por ela.

Dias como este fico feliz por estar solteira, podendo apenas observar essas coisas acontecerem...

Sonhando...

Já estou sonhando com Fernando de Noronha, onde pretendo ir no início de janeiro.

Ontem comecei a pesquisar pousadas da ilha, mas ainda não sei onde ficar. Algumas dicas? Se lembrem que ainda não ganhei na loteria, então algo que não seja tão caro assim...

Por enquanto fico babando as fotos daquele paraíso...

domingo, setembro 06, 2009

Um domingo de chuva

Um domingo que só aumenta a tristeza, se não até causa depressão. (E olha que ainda temos um outono-inverno longo em frente!!)
Um dia cinza, e chove para variar. Ninguém merece. Só dá vontade de ficar debaixo de cobertor com um bom livro. E acho que vou fazer isso agora mesmo. O pior é que nestes momentos já tenho muito mais tempo para pensar em cada coisa. Tipo se vale a pena (tentar) procurar/ser encontrada, porque enfim já não saberia viver com alguém. Só dá dor de cabeça (e me faz mais triste ainda) pensar e entender como sou de verdade.

Aos poucos entendo o sofrimento das minhas amigas solteiras que andam na procura (verdadeira) já faz anos. Coitadinhas. Só que acho que os "problemas" delas são outros.


Bom, vou lá com o livro, boa tarde/noite e ótima semana para todos!