sábado, janeiro 09, 2010

As férias quase já se foram - o amor é que fica

Então as minhas férias já estão terminando. Foram umas boas (três) semanas, e de certa maneira parece que estou aqui desde sempre, me acostumei tão bem que dá medo de voltar pra "casa". Casa? Sim, oficialmente a minha casa está aí no fim do mundo, mas o meu coraçãozinho está aqui, mais precisamente no BH.

Já não me lembrei como é difícil amar à distância. Pensei que pudesse ficar feliz de qualquer jeito, mas na verdade nos últimos dias tenho andado muito triste, a saudade tá enorme. Choro por tudo e por nada, só quero estar sozinha (como não dá para estar com ele...) e pensar nas minhas (nas nossas!) coisas.
Será que nesta vez vai dar tudo certo? Pelo menos eu quero acreditar nesse amor, quero começar a planejar o meu (o nosso!) futuro, "o novo começo". Porque a vida que tenho lá no fim do mundo já foi vista. Sei como é e não vai mudar muito, e de jeito nenhum tenho andado feliz por aí. Também sei que a minha vida no Brasil não (necessariamente) seria fácil, mas vamos ver se encontro um jeitinho de ir morar com ele... todas as dicas estão bem-vindas!

Quanto ao meu amor, espero que ele aguente agora, imagino que ele nunca tinha passado pelo mesmo (eu que já sei como pode ser...). Se eu estou triste, ele também parece estar em baixo. Espero que a aliança de compromisso e tudo o que ele falou tivesse um significado tão forte como eu entendo que devia ter e como tem para mim... sinto bem com ele (sei, estou triste, mas...), ele não é daqueles que falam muito e fazem pouco, pelo menos assim deu para entender em Arraial d'Ajuda.

Bem, como só consigo falar do meu amor, estou pensando em começar outro blog "O Diário da Nossa Paixão". Só que vai demorar ainda, tenho que conseguir escrever melhor as coisas... para não me repetir tanto. Além disso, é possível que o faça no privado, só para nós. Depois se vê, quando estiver na Finlândia e a primeira semana do trabalho (ai que medo...) tiver passado, já vou pensar melhor. E também vou ver as passagens a BH pra semana santa...

Mais uma coisa: estou em Fernando de Noronha. Deve ser por causa de mau humor, mas eu não acho tudo aqui tão bonito. Tem praias bonitas, sim, e a ilha é legal, mas... pode ser também porque a natureza aqui está muito seca (não tem nada de verde) e os dias foram nublados. Ou eu simplesmente não "sou daqui", sou da Bahia! Sem dúvida nenhuma nestas férias gostei mais de Arraial d'Ajuda, será que essa é a minha casa? E não foi apenas por causa dele, não, mesmo que ele me fizesse muito feliz...

5 comentários:

Márcia Elisa de Castella disse...

ai que linda!!! Parabens...é tão bom estar assim... estou torcendo por ti. Beijos

Anônimo disse...

Olha, eu nem te conheço, mas posso te dar uma dica? Mantém estas coisas pra ti! Evita tanto problema... :-)
Boa sorte!
Beijos

Teea disse...

Valeu pela dica, mas queria saber quem é que dá dicas tão boas e nem me conhece ;)
As dicas que queria são mais sobre o trabalho etc, não de como escrever este blogue. Lê quem quiser, né?

Anônimo disse...

Olá Teea,

Entro sempre no blog, está é a primeira vez que me manifesto.
Fiquei feliz por você está amando e ser amada, você me parece uma pessoa muito muito gentil, delicada e emotiva.

Tem uma parte que ainda não entendi, você é da Bahia ou Minas?

Tem vontade de morar no Brasil?

o seu amor mora no Brasil?

Boa sorte pra ti, (Me desculpe a intromissão)

Lílian
moreiralilian@uol.com.br

Teea disse...

Lilian, valeu pela visita e pelo comentário! Ele é mineiro, eu finlandesa. Mas amo muito a Bahia...

beijinhos,
Teea