sexta-feira, maio 04, 2007

Não me deixe só

Apesar desta música, não tenho medo de ficar só. A vida é aprendizagem, ou se aprende as maravilhas da vida com outra(s) pessoa(s) ou se aprende sozinha, bem simples!

É bom ter sonhos, e tive um sonho muito bom que queria ter realizado, mas a minha realidade é outra...





Não me deixe só
Eu tenho medo do escuro
Eu tenho medo do inseguro
Dos fantasmas da minha voz

Não me deixe só
Eu tenho medo do escuro
Eu tenho medo do inseguro
Dos fantasmas da minha voz

Não me deixe só
Tenho desejos maiores
Eu quero beijos intermináveis
Até que os olhos mudem de cor

Não me deixe só
Eu tenho medo do escuro
Eu tenho medo do inseguro
Dos fantasmas da minha voz

Não me deixe só
Que o meu destino é raro
Eu não preciso que seja caro
Quero gosto sincero de amor

Fique mais
Que eu gostei de ter você
Não vou mais querer ninguém
Agora que sei quem me faz bem

Não me deixe só
Que eu saio na capoeira
Sou perigosa, sou macumbeira
Eu sou de paz, eu sou do bem, mas...

Não me deixe só
Eu tenho medo do escuro
Eu tenho medo do inseguro
Dos fantasmas da minha voz

Não me deixe só
Mas não me deixe só
Eu tenho medo do escuro
Eu tenho medo do inseguro
Dos fantasmas da minha voz
Não me deixe só

/Vanessa da Mata: Não me deixe só

3 comentários:

Pata disse...

Oi Teea!
Eu tb gosto dessa música. E concordo com vc, a gente tem mais é que ser feliz, mesmo estando sozinha. É difícil, mas qdo a gente se ama, a gente consegue!
Eu tentei ir pra balada na segunda, mas a fila estava grande e acabamos desistindo.
Na terca fomos pro kaivopuisto sim, estava frio, mas foi legal, o sol estava brilhando e a paisagem de cima do morrinho estava linda.
Bjs e nos vemos amanhã!

rhaonis disse...

Exato!

Também amo essa música, maravilhosa... Mas é isso mesmo, amor-próprio é o nosso primeiro e último amor, se não nos amar-mos e cuidar-mos quem o fará?!

Temos que cultivar o nosso jardim para que as abelhas se aproximem!

Beijao Teea e até amanhã!

Alberto Pereira Jr. disse...

essa música é muito boa!